​​​Como ser um bom gestor? Essa dúvida está sempre martelando na mente de profissionais que desejam dar o seu melhor para o time, empresa e carreira. 

De acordo com a especialista Lúcia Nogueira, em matéria para o site de notícias G1, cada vez mais chefes buscam por treinamento para aprimorar suas competências enquanto líderes. 

Segundo ela, isso acontece porque o ambiente competitivo do mercado exige que o gestor influencie positivamente a equipe para aproveitar melhor os talentos  da empresa.

E você, deseja melhorar sua gestão? Veja a lista que preparamos com competências, habilidades e posturas que podem ajudar nessa jornada. 

O que é ser um bom gestor? 

Para chegar à conclusão do que é um bom gestor, é preciso entender alguns conceitos.
Segundo o professor de Gestão Estratégica na London Business School, Julian Birkinshaw, em entrevista à rede americana CNN, gestão é um esforço social em que pessoas se juntam para cumprir uma determinada meta.

Paralelamente, John Kotter, professor de Harvard em matéria do jornal O Globo, define gestor como aquele que sabe sobre o controle e organização – enquanto o líder é quem motiva e direciona pessoas. 

Por fim, Birkinshaw conclui que todos precisam de líderes e gestores – portanto, o bom gestor é aquele que sabe da função, mas também sabe influenciar positivamente o time. 

Como ser um bom gestor para a empresa 

Confira quais competências e habilidades são indispensáveis para que o gestor desenvolva seu trabalho com eficiência. 

1. Conhecer sua área e empresa  

O ponto de partida para ser um bom gestor é entender a área que será administrada: seus desafios, objetivos e vantagens competitivas. Em outras palavras, o gestor precisa compreender quais são os problemas que ocorrem no setor e na empresa, quais as soluções mais eficientes para resolver essas questões, e de que forma atingir metas.


2. Conhecer o mercado e o cliente 


Um bom gestor também está por dentro do que rola fora da empresa: tendências de mercado, comportamento do cliente, além dos impactos da economia e política nacional e internacional no negócio. Todas essas informações ajudam o profissional a tomar as melhores decisões. 


3. Desenvolver o autoconhecimento ​


O gestor competente também tem consciência das suas capacidades e limitações. Ele precisa entender a si mesmo para utilizar seus talentos em prol do trabalho e aprimorar áreas menos desenvolvidas. 

4. Ter objetivos claros 


É fundamental que os objetivos de carreira, setor, empresa e time estejam claros na mente do gestor. Ele precisa saber onde quer chegar como profissional, para onde quer levar seu time e quais medidas precisa tomar para alcançar os resultados que espera para a sua área e sua empresa. 

5. Saber priorizar 


Além das demandas diárias, semanais e mensais, existem os imprevistos e eventualidades que surgem no meio do caminho e precisam de direcionamento e resolução. Aqui, entra a habilidade de priorizar as tarefas, imprescindível para um bom gestor. 

6. Exercitar a criatividade  


Outra competência que não pode faltar em um bom gestor é a criatividade. Desenvolver novas soluções para antigos problemas e buscar oportunidades de reduzir custos ou melhorar a produtividade do time, são alguns exemplos de atividades que exigem uma dose de criatividade do gerente. 


Como ser um bom gestor para a equipe 

Agora, confira quais comportamentos um bom gestor deve adotar para inspirar e motivar a sua equipe.

1. Dar exemplo 

O primeiro passo para se tornar uma inspiração positiva para a equipe é dar exemplo. Segundo o especialista Marcelo Veras, em entrevista ao portal Globo.com, o líder precisa agir de forma sensata com suas posturas e cobranças. ​

Na prática, dar o exemplo vai das pequenas atitudes do dia a dia às decisões mais complexas. Ser pontual, resolver pendências, evitar fofocas e sempre escolher caminhos éticos são alguns aspectos em que o comportamento será notado pelo time. 

2. Respeitar e gerar confiança  

Mais uma atitude de bom gestor é construir um ambiente de relações saudáveis, fundametadas no respeito e confiança. E isso vale tanto na relação entre time e líder quando na relação dos pares entre si. Ou seja, o gestor precisa interferir ao perceber que há falta de respeito ou de confiança entre colegas – e construir soluções para reestabelecer o clima.

3. Comunicar-se adequadamente 


Segundo Veras, é preciso saber se comunicar de acordo com o público – e de preferência, pessoalente. Isso significa que o bom gestor deve ser claro em expressar suas expectativas, direcionar tarefas e dar feedback. Inclusive, o momento do feedback é bastante crucial para estruturar a relação entre gestão e time. Aqui, vale a máxima: elogios em público, correções em particular. 

4. Buscar ferramentas melhores para o time trabalhar 


Fornecer ao time o que é necessário para trabalhar melhor deve ser uma constante prática do bom gestor. Na gestão de frotas, por exemplo, carros seguros  e ferramentas de gestão são algumas alternativas que fazem a diferença no desempenho da equipe. 

Mais 18 dicas de como ser um bom gestor ​

A especialista em empreendedorismo, Lolly Daskal, criou uma lista para a revista americana Inc. com dicas para deixar sua marca como líder e conquistar o time. Confira as principais sugestões!

  • Seja atencioso.
  • Busque por soluções.   
  • Lembre-se do nome das pessoas.
  • Ajude. 
  • Seja ético.
  • Sorria.
  • Escute em silêncio.
  • Faça as pessoas se sentirem bem com elas mesmas. 
  • Seja respeitoso. 
  • Compartilhe conteúdos relevantes.
  • Sonhe grande para os outros.
  • Seja otimista.
  • Celebre pequenas vitórias. 
  • Ajude as pessoas a focarem em suas forças e não em suas fraquezas. 
  • Confie. 
  • Delegue. 
  • Cumpra promessas.
  • Trate os outros como gostaria de ser tratado.