Ficar de olho no controle de quilometragem evita surpresas negativas. Sabemos que essa missão nem sempre é fácil, por isso criamos esse conteúdo para te ajudar nessa tarefa de extrair o melhor desses dois mundos e alavancar o desempenho da sua frota.

Para saber mais, continue abaixo. Boa leitura!​


O que é o controle de quilometragem

A primeira coisa que precisamos que você, gestor de frotas, saiba é que esse controle é imprescindível para manter a saúde dos veículos da sua frota. Num primeiro momento, pode parecer que estamos falando em saber de memória quantos quilômetros os automóveis circulam, quando, na verdade, tudo passa por uma boa interpretação de dados.

A principal vantagem desse controle é manter a segurança dos automóveis em dia, evitando desgastes muitas vezes irreversíveis. Quando existe um controle de quilometragem, os veículos da frota são sempre revisados, com troca de óleo motor, filtros, fluidos, sistema de freio, suspensão etc.

Um bom gestor de frotas sabe que desgastes mecânicos impactam não somente a vida útil do veículo, mas também previnem futuros acidentes. Se quiser, acompanhe as dicas de como ser um bom gestor, que separamos aqui para você.


Benefícios

Toda frota busca eficiência, segurança e economia, correto?

Pois bem, um bom controle de quilometragem também é sobre isso. Se você sabe quantos quilômetros seu veículo roda com um litro de gasolina, consegue traçar rotas mais inteligentes para evitar outras mais longas e trajetos mais engarrafados. Dessa forma, sua gestão fica organizada e ainda traz economia.

Uma vez que você tenha os trajetos e os gastos estabelecidos, fica mais fácil identificar quando existem problemas. Se seu motorista fazia uma determinada rota gastando uma quantidade X de gasolina e de repente o valor aumentou, é hora de ligar o alerta e identificar as possíveis causas! Pode ser, por exemplo, um problema mecânico, que, quando identificado com antecedência, pode ser evitado, impactando na redução de despesas e na prevenção de acidentes. Mas também pode ser um problema de má condução do veículo, que pode ser solucionado com qualificação dos condutores.

Independentemente do motivo, quem estiver de olhos atentos no controle de quilometragem da frota sempre estará apto a fazer as melhorias necessárias, sejam técnicas, ou investindo sempre em treinamentos para capacitar seus motoristas a dirigir de forma consciente.

 Você pode encontrar mais dicas sobre redução de custo com combustíveis.


Checagens práticas para o controle de quilometragem


1- Controle do odômetro

O odômetro do veículo é o equipamento no painel responsável por medir os quilômetros rodados desde quando sai da fábrica. Essa medição é feita de duas formas: mecânica ou digital. Na forma mecânica, a quilometragem é medida em tempo real por meio de engrenagens. Dessa forma, é necessário um registro físico ou através de planilhas. Quando a medição é digital, ela é feita por circuitos eletrônicos.


2- Atenção nos registros de manutenções

Ter os registros de manutenções sempre atualizados é como manter sua carteira de vacinação em dia. Só assim você consegue acompanhar os possíveis problemas e lidar com eles de forma preventiva.

Dentro desse registro, todas as informações do histórico dos veículos devem estar registradas, tais como trocas de peças, revisões e anotações regulares sobre as quilometragens, que indicam se o hodômetro foi adulterado, quando conferidas.


3- Programa de manutenção por meio da quilometragem

Um dos benefícios do controle de quilometragem da frota é que, através dele, é possível prever de quanto em quanto tempo as manutenções devem ocorrer. Lendo o odômetro de forma correta, é possível saber, por exemplo, a hora de checar os pneus, a iluminação e, principalmente, os freios.

As manutenções recomendadas pelo fabricante são feitas de acordo com a quantidade de quilômetros rodados: a cada 10 mil quilômetros, lembre-se de trocar o óleo; e a cada 60 mil, de trocar os pneus.


Como manter todo esse controle

Como vimos, o controle adequado da quilometragem é importante para a organização da sua frota, prevenção de riscos e economia. Isso só será alcançado se o gestor estabelecer uma rotina.

Tem quem faça esse controle por planilhas, o que é de longe um caminho mais difícil. Uma saída para fazer com que todo esse mecanismo gire de forma eficiente é terceirizar sua frota com uma empresa especializada. Com um parceiro, você tem, entre outras vantagens, manutenção periódica com tecnologias de acordo com as necessidades de cada veículo.


Terceirização de frota com Localiza

Continuamente, a Localiza Gestão de Frotas investe em pesquisa e inovação para desenvolver sistemas de gestão de frotas que realmente atendam às necessidades dos clientes. Aliamos nossa expertise de mercado ao que há de mais moderno nas tecnologias de gerenciamento, e criamos ferramentas inteligentes que agregam produtividade ao seu dia a dia e geram economia ao seu negócio.​

Reduza o custo e aumente sua produtividade, terceirizando sua frota com quem entende do assunto. Entre em contato conosco e peça já seu orçamento.


Veja mais: