Mobilidade urbana vai além do deslocamento. Tem tudo a ver com produtividade, qualidade de vida e segurança. Faz parte do dia a dia de todo o cidadão e, por isso, é um tema que precisa sempre ser discutido e praticado. E se você quer saber um pouco mais sobre o assunto, veio ao lugar certo. Confira.  

O que é mobilidade urbana 

Mobilidade urbana é definida como a capacidade de deslocamento de pessoas dentro do espaço urbano, por motivos econômicos, sociais e pessoais. Nesse sentido, é possível entender que todos participam e dependem, de alguma forma, da mobilidade urbana para irem de um local a outro com qualidade e eficiência.  

Mobilidade urbana no Brasil: desafios 

​De acordo com um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), existem diversos desafios da mobilidade urbana no Brasil.  Entre eles, destacamos os principais: ​

1. Rápido desenvolvimento urbano 

Segundo o Ipea, o rápido crescimento populacional aparece como um dos principais desafios para a mobilidade. Hoje, aproximadamente 85% da população brasileira vive em centros urbanos. Cerca de 36 cidades têm mais de 500 mil moradores e os municípios de regiões metropolitanas acumulam aproximadamente 80 milhões de habitantes.  

2. Investimentos na infraestrutura 

O estudo aponta o alto custo de projetos de infraestrutura como mais um desses cenários desafiadores, uma vez que é necessário que existam vias e sistemas de transporte adequados para deslocar o cidadão. 

3. Aumento do uso de transporte individual 

Nesse aspecto, o anseio do cidadão por conforto, segurança e independência levam ao aumento do número de carros nas ruas. Isso, por sua vez, gera constantes congestionamentos em horários de pico. Além disso, o comportamento humano no trânsito causa impactos significativos nos índices de acidentes.  ​

Como contribuir com a mobilidade urbana 

Enquanto são criadas políticas públicas para melhorar a infraestrutura das cidades, existem algumas alternativas que pessoas e empresas podem desenvolver, desde já, para contribuir com a mobilidade urbana. Veja: 

1. Carona solidária 

Gestores podem estimular, dentro das empresas, a prática de carona entre membros da equipe que moram próximos uns dos outros. Reconhecimento para times que dividem o veículo ou até recompensa para colaboradores que se deslocam dessa forma são algumas maneiras de incentivar a prática. Além disso, existe a possiblidade de contar com aplicativos e tecnologia para organizar as caronas.  

2. Rotas inteligentes 

Para empresas que trabalham com frota de veículos no atendimento a clientes ou entrega de produtos, é possível contar com sistemas de gestão que ajudam o gestor a desenvolver rotas mais eficientes. Assim, consegue-se concentrar mais visitas em um mesmo caminho e otimizar o tempo do carro na rua.  


3. Deslocamento sem motor 

Para colaboradores que gostam de ir trabalhar utilizando meios de transporte não-motorizados – como bicicletas, por exemplo – é interessante desenvolver espaços que facilitem o dia a dia de quem adota a prática. Estacionamento para bikes e vestuário são boas alternativas. 

4. Carros mais eficientes 

Ano após ano, as montadoras se preocupam em desenvolver veículos mais eficientes, que gastem menos combustível e emitam o mínimo possível de poluentes. Portanto, se a empresa utiliza frotas para operar, é interessante renovar os modelos com certa periodicidade. Carros mais novos são menos propícios a dar problema e por isso evitam que o trânsito seja prejudicado. Pensando nisso, muitas companhias escolhem frotas terceirizadas, porque podem usufruir de manutenção em dia, carros sempre novos, entre diversos outros benefícios.  

5. Conscientização da equipe 

Como acidentes de trânsito entram na lista de desafios da mobilidade urbana, é interessante que pessoas e empresas trabalhem a favor da conscientização sobre os perigos nas ruas e a necessidade de dirigir com responsabilidade.  

Treinamentos para motoristas, participação em campanhas como o Maio Amarelo e programas internos ajudam o time a replicar o comportamento positivo nas ruas e colaborar com a mobilidade urbana. 

6. Car sharing 

Um carro compartilhado retira em média de 9 a 13 veículos da rua, segundo o estudo de Shared Mobility, da Universidade da Califórnia. Além de melhorar o meio ambiente, essa prática auxilia na redução de custos da empresa. 

Durante o expediente de trabalho, diversos carros ficam parados no estacionamento das empresas, e para que eles sejam melhor utilizados, podem ser disponibilizados para idas a reuniões externas, transporte de pessoas a aeroportos, e várias outras finalidades. 

Mobilidade urbana e qualidade de vida: quais os benefícios?​ 

Ao somar os desafios da mobilidade urbana no Brasil com as boas práticas que podem melhorá-la, é possível entender que são muitos os benefícios trazidos por um ambiente de melhor mobilidade. Entre eles, podemos destacar: ​

Ganho de tempo 

Se mais pessoas dividissem um mesmo veículo em caronas para ir e voltar do trabalho, haveria menos congestionamento nas ruas em horários de pico. O resultado é menos tempo em engarrafamentos e mais tempo produzindo ou descansando.  

Networking 

Outro ponto interessante despertado pelas boas práticas de mobilidade urbana é a possibilidade de criar uma rede de contatos profissionais durante as caronas solidárias.  

Oportunidade para relaxar 

Também é possível aproveitar o tempo do trajeto trabalho-casa para ouvir música, ler e até descansar, quando não é sua vez de dirigir em programas de carona.  

Mais segurança 

Com um comportamento adequado no trânsito, há menos acidentes e mais tranquilidade para se deslocar.  

Menos poluição 

Além de melhorar o trânsito, deixar menos veículos em circulação também reduz a emissão de poluentes e gases responsáveis pelo efeito estufa. 

Futuro da mobilidade urbana: qual o cenário ideal? 

O futuro perfeito – e esperado – para a mobilidade urbana envolve a possibilidade de deslocamento fácil, eficiente e seguro para todos. Nesse sentido, políticas públicas precisam ser criadas por parte dos governos federais, estaduais e municipais, para garantir investimentos na infraestrutura e sistemas de transporte público.  

Em paralelo, pessoas e empresas podem fazer sua parte para colaborar.  

Pensando nisso e de olho no futuro, a Localiza Gestão de Frotas investe constantemente em pesquisa e desenvolvimento de soluções que contribuam com o futuro da mobilidade urbana.  

​Terceirização de frota e sistemas de gestão, por exemplo, visam entregar para clientes o melhor da eficiência para o negócio e, ao mesmo tempo, a possibilidade de vivenciar práticas que colaboram com a mobilidade das cidades