Se você quer saber como dirigir em rodovias da melhor forma possível, veio ao lugar certo. Preparamos um miniguia com 7 cuidados essenciais para conduzir na estrada. 

Confira! 

Conscientização dos condutores da frota é indispensável! 

É importante manter uma rotina de ações de conscientização junto aos motoristas da frota. Cursos, palestras ou mesmo simples reuniões de equipe sobre cuidados na direção podem gerar bons resultados.  

Nesse sentido, existem treinamentos para motoristas que qualificam o profissional. É o caso dos cursos de direção defensiva, por exemplo, que aprimoram o conhecimento da equipe sobre condução segura e eficiente.  

Cuidados para dirigir na estrada 

Pensando em conscientização e melhores práticas, o gestor de frota pode utilizar alguns mecanismos para alertar a equipe sobre cuidados necessários em deslocamentos na estrada. Materiais didáticos, conversas ou até o desenvolvimento de políticas internas podem ser úteis para estimular o time a prezar ainda mais pela segurança nas rodovias.  

Separamos aqui, alguns cuidados fundamentais para passar aos motoristas.  

Dica 01: respeitar o limite de velocidade  

Dados divulgados pelo Ministério da Infraestrutura apontam o excesso de velocidade como uma das principais causas de acidentes de trânsito nas rodovias do Brasil. Ocorre que, nas estradas, cada trecho tem particularidades específicas que demandam atenção dobrada – como curvas fechadas, falta de visibilidade ou declives acentuados.  

Os limites permitidos indicam a velocidade segura para evitar ocorrências. Por isso é essencial respeitar a sinalização em todo o trajeto.  

Dica 02: manter distância dos veículos  

Outra conduta indispensável para quem está dirigindo na estrada (e até mesmo na cidade) é manter distância do veículo à frente. Esse espaço pode ser fundamental para evitar acidentes em diversas situações.  

Manter a distância entre seu carro e o da frente é crucial para momentos em que pode ser necessário uma manobra evasiva. Em caso de congestionamento, uma boa separação também evita engavetamentos.  

Dica 03: não ultrapassar em local proibido 

​Segundo a Polícia Rodoviária Federal, colisões frontais ocasionadas pela ultrapassagem indevida são as principais causas de morte nas estradas brasileiras. 

Nos trechos onde a ultrapassagem é permitida, as condições de visibilidade são satisfatórias e há possibilidades de escape. Isso significa que nos pontos onde é proibido executar o movimento, o motorista não visualiza a aproximação do veículo em sentido contrário e não tem para onde evadir.  

​Por isso é fundamental respeitar as faixas contínuas.  E, mesmo nas seccionadas onde é permitido ultrapassar, é importante só realizar a manobra quando houver segurança total.  

Na dúvida, não ultrapasse.  

Dica 04: evitar condições climáticas adversas 

​Neblina ou chuva forte são situações que devem ser evitadas porque deixam a condução mais difícil, já que prejudicam a visibilidade e tornam a pista escorregadia. Portanto, ao deparar-se com tais condições, a melhor dica é procurar um local seguro para estacionar e aguardar que o tempo melhore. 

Dica 05: prestar atenção nos faróis e luzes do veículo 

Para quem está sempre dirigindo na estrada à noite, a importância de manter os faróis acesos não é novidade. O que muita gente ainda confunde é a necessidade de usá-los durante o dia.  

Atualmente, a lei diz que durante o período diurno é obrigatório manter luz baixa nas rodovias que não cruzam perímetros urbanos. Segundo um levantamento feito pela Quatro Rodas, a prática aumenta a visibilidade em até 500%.  

Outro ponto importante para prestar atenção é a utilização da intensidade correta: evitar luz alta quando outros veículos se aproximam no sentido contrário é igualmente fundamental para a garantia da segurança de todos. Inclusive, luz alta que perturba a visão de outro condutor é infração grave e rende multa, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Além disso, luzes de freio devem estar em pleno funcionamento.  

Dica 06: dirigir em condição adequada 

Conduzir um veículo sob efeito de drogas lícitas ou ilícitas é altamente perigoso e pode ser fatal - por isso, é uma das infrações mais graves do CTB. Manter a equipe sempre conscientizada sobre os malefícios da ingestão de substâncias dessa natureza é, mesmo que indiretamente, uma forma indispensável de colaborar com o trânsito e até com a saúde dos colaboradores. Também é possível criar diretrizes internas que cuidem desse aspecto. 

Além disso, é essencial que condutores realizem paradas para repouso em​ longas distâncias, já que dirigir com sono pode ser tão perigoso quanto conduzir embriagado.  

Dica 07: fazer a manutenção preventiva  

Antes de iniciar uma viagem ou trecho na estrada, é fundamental fazer a verificação de elementos essenciais – como nível do óleo, condições do freio e usabilidade dos pneus, por exemplo.  

Para quem mantém as manutenções preventivas da frota em dia, essa tarefa fica mais fácil. Afinal, motor e outros componentes estarão dentro do funcionamento esperado.   

Inclusive, para controlar a frota com precisão e ajudar a equipe a dirigir com segurança na estrada, o gestor pode contar com sistemas inteligentes​ como os da Localiza Gestão de Frotas. Com eles, é possível entender e planejar melhores rotas, fazer o controle de combustível e quilômetros rodados, monitorar e dar a tratativa de multas e muito mais

​